documentação

projecto agro n. 158

Programa AGRO

Medida 8  - Desenvolvimento Tecnolgico e Demonstrao
Aco 8.1 - Desenvolvimento Experimental e Demonstrao (DE&D)

Conservao e valorizao dos recursos genticos de pomideas regionais

 

1 - Chefe do projecto

  • Antnio Lus Crespi, Professor Auxiliar da Universidade de Trs-os-Montes e Alto Douro.
  • Responsvel na DRABL - Arminda Dias Lopes, Tcnica Superior Principal da Estao Agrria de Viseu.

2 - Montante total do projecto

  • 178.614 (Cento e setenta e oito mil seiscentos e catorze euros).

 

3 - Descrio resumida do projecto

Este projecto, que surge na sequncia do PAMAF/IED n. 6114 Preservao de variedades regionais de pomideas na regio Centro-Norte, tem como objectivos:

3.1. Sustentar, avaliar e ampliar as coleces de variedades regionais de macieiras e pereiras. Duplicar, em Moimenta da Beira, a coleco de referncia de pereiras existente no Vidago.

3.2. Realizar uma prospeco dirigida s variedades referidas na bibliografia e que ainda no constam nas coleces.

3.3. Valorizar os produtos atravs de processos alternativos ao consumo em fresco, recorrendo a processos de secagem.

3.4. Dar continuidade ao processo de seleco da macieira Bravo de Esmolfe e proceder sua caracterizao para fins de registo.

3.5. Iniciar a seleco da macieira Porta da Loja.

3.6. Elaborar um livro com a caracterizao morfolgica e aptides de consumo das variedades regionais de pomideas.

4 - Instituies participantes

  • Universidade de Trs-os-Montes e Alto Douro (UTAD);
  • Direces Regionais de Agricultura da Beira Litoral (DRABL), de Trs-os-Montes (DRATM) e de Entre Douro e Minho (DRAEDM);
  • Escola Superior Agrria de Viseu (EAV);
  • Universidade de Aveiro (UA) e Cooperativa Agrcola dos Fruticultores de Braga (CAFB).
Malpio de Vale de Aores
Baguim

 

5 - Fases de Execuo

Fases Equipas executoras
Manuteno das coleces - registos fenolgicos
- avaliao quantitativa e qualitativa da produo
- caracterizao dos fruto
UTAD
DRABL
DRATM
DRAEDM
Prospeco dirigida - plantao de porta-enxertos
- prospeco
- recolha do material / enxertia
- plantao na coleco
UTAD
DRABL
DRATM
DRAEDM
Valorizao dos produtos - colheita dos frutos
- processamento
- avaliao de resultados
DRABL
ESAV
UA
Seleco e caracterizao da macieira Bravo de Esmolfe - avaliao quantitativa e qualitativa da produo
- plantao dos campos de comparao clonal
- caracterizao da variedade. 
DRABL
DRATM
UTAD
Seleco da variedade Porta da Loja - marcao de clones
- recolha do material / enxertia
- plantao da coleco
DRAEDM
CAFB
Elaborao do livro - compilao da informao
- montagem
todas as instituies participantes

 

6 - Situao actual do projecto

No sentido de ampliar a coleco de base de macieiras (objectivo 1) foram plantadas, em Maro de 2003, rvores provenientes da DRAEDM (8 variedades). 
Em Maro de 2004, foi plantado material proveniente da DRAEDM (14 variedades) e da Estao Nacional de Fruticultura Vieira Natividade (19 variedades).
A coleco actual engloba 200 variedades cuja distribuio por provenincia se apresenta a seguir:

DRABL 39%, 
DRAEDM 21,5%, 
DRABI 15%, 
IFEC 10%, 
DRATM 7,5%, 
DRARO 6,5% e 
DRAALG 0,5%.

Foram enviadas mas de 90 variedades, para a Universidade de Aveiro, para caracterizao qualitativa por tcnicas rpidas de FTIR e anlise de aromas.

No mbito do 3. objectivo Valorizao dos produtos, no ano de 2002 os frutos das variedades S. Bartolomeu e Carapinheira Branca foram secados seguindo o mtodo tradicional, por secagem ao sol (ao ar livre). Na poca de 2003 as pras das variedades S. Bartolomeu (provenincia: Coimbra e Oliveira do Hospital), Carapinheira Branca, Amorim e Amndoa foram secadas em estufa solar.

Para dar continuidade ao processo da seleco clonal da macieira Bravo de Esmolfe (objectivo 4), em Maro de 2004, foram plantados dois ensaios, respectivamente em Viseu e em Moimenta da Beira.

Vista geral do ensaio da Estao Agrria de Viseu

A equipa do projecto est a trabalhar os dados disponveis em relao caracterizao das variedades, para posterior publicao (objectivo 6), em forma de fichas varietais. Apresentamos em seguida uma verso provisria das referidas fichas.

 

Variedade: Tromba de boi
Porta-enxerto: EMLA9

Florao

Mdia a tardia

Fruto

Data de maturao: 16 de Outubro
Forma: oblongo-cnica (pro)
Colorao da epiderme: riscado de vermelho
Carepa: sem carepa
Pruina: com pruna
Fossa apical: torulosa
Cavidade estaminal: cnico-afunilada
Estames: mdios a speros
Spalas: centrptas
Roseta: fechada e semi-fechada
Fossa peduncular: lisa
Pednculos: mdios
Cavidade seminal: aberta, elptica
Corao: no apurado
Superfcie: lisa, com pontuaes

Polpa

Colorao: amarelada
Sabor: agridoce
Firmeza: dura

rvore

Vigor: mdio
Tipo de frutificao: 2

Documentação